Coragem!!!

Posted: sexta-feira, 19 de agosto de 2011 by Adriano in
8

Escuto diversas pessoas falarem que eu sou "corajoso" por ter feito essa viagem sozinho porém eu não enxergo dessa forma...

Digo isso pois coragem é preciso para outras coisas como ir a guerra, montar uma empresa ou formar uma família e não para passar as férias fazendo o que se gosta, pilotando uma moto pelas estradas. É claro que não estou minimizando as dificuldades que encontrei e também não recomendo que ninguém se lance em uma aventura desse porte, sem planejar e, quando falo em planejamento, elencarei alguns itens abaixo, entre tantos possíveis, importantes para quem pensa em um dia seguir os passos de motociclistas ávidos por conhecer terras distantes, como um dia eu me inspirei e comecei uma história que culmina na realização dessa viagem e, que, definitivamente espero que não seja a última pois ainda existe muito a conhecer e rodar por esse mundão afora...



Pinguim Corajoso...ehehehehe


Experiência : É necessária em tudo o que queremos fazer na vida. Quando se vai procurar um emprego é ela que aparece em destaque pois o empregador prefere alguém que venha pronto do que uma pessoa que tomará tempo em treinamentos. No caso da moto, ela acontece pelo tempo que se pilota, pelas cicatrizes no corpo e danos nas motos e pelo passo a passo, ou seja, começar com moto pequena e devagar ir subindo a cilindrada, bem como começar a viajar pertinho de casa, no fim de semana, depois no feriado para mais longe, tirar férias e fazer uma viagem interestadual, depois a primeira internacional, a segunda, cada vez mais distante, assim, aos poucos, se tornando apto a cada vez ir mais e mais longe!!!

Formação : É fundamental saber e dominar Geografia a fim de ter ideia de onde se irá transitar, usar uma bússola ou GPS, enfim se orientar no Globo, chegando ao destino e voltando para casa. História é importante a fim de entender a arquitetura das cidades, os heróis nacionais e a formação de um povo de determinada região, aproveitando muito mais a viagem, trocando informações com a população sobre detalhes locais. Línguas são imprescindíveis para a comunicação, seja ela para se alimentar, abrigar, abastecer e principalmente quando se precisa falar tecnicamente sobre problemas na moto e sem elas, até se faz uma viagem mas com muito mais dificuldade. Dominar um pouco das demais ciências também ajuda em uma viagem e claro, na vida. A dica é: ESTUDEM, sempre!!!

Auto-Controle : Adversidades surgirão como em vários momentos de nossa vida e é necessário resolvê-las com calma e racionalidade pois normalmente tudo termina da melhor maneira. É essa característica também que não permitirá que se faça nada irracionalmente como por exemplo trafegar sozinho, a noite, em uma região perigosa. O "medo", é que te segura a não fazer besteiras como a anteriormente citada mas com o controle da situação se aprende a dominá-lo e talvez seja isso que se confunda com "coragem".

Preparação : Sabendo o que irá se encontrar pelo caminho as chances de sucesso são infinitamente maiores então essa é uma das fases mais importantes da viagem portanto recomendo a pesquisa junto a pessoas que moram na região, que conhecem o trajeto, e, material jornalístico específico sobre cidades, estradas, clima, etc...o Técnico mais informado é aquele que vence a partida e o General mais preparado é aquele que ganha a batalha. A imagem romântica de subir na moto e sair sem destino, me parece que só dá certo no cinema e não na vida real, até porque eu nunca me lancei a uma viagem sem preparação. Internet é fundamental nesse caso.

Tranquilidade : Não é possível sair para encarar quilômetros até um destino longínquo deixando assuntos mal resolvidos para trás, portanto é estritamente necessário "arrumar a casa" antes da partida e manter isso durante a ida e a volta, então tenha certeza que assuntos profissionais, pessoais e familiares fiquem resolvidos e que eventualmente caso algo precise de você, que possa ser decidido e sanado de onde se encontrar naquele momento até mesmo com o plano de parar a viagem no meio para resolver a questão.    

Companheirismo : Tanto com as pessoas que encontramos na estrada, cidades, postos de gasolina e hotéis como com quem ficou em casa, seja um familiar ou amigo lhe dando apoio logístico, é preciso dar coisas boas para receber melhores ainda em troca então a amizade é um dos melhores laços da vida já que é notável o prazer que se encontra nas pessoas que vibram e curtem conosco os desafios e as conquistas do dia a dia na estrada. Com a melhoria nas comunicações essas pessoas lhe acompanharão "on-time" fazendo a importante companhia que precisamos, principalmente se estamos viajando sozinhos.  

E finalizando, com uma grande e inesperada coincidência, acabo de receber uma ligação de uma pessoa de voz experiente que me falou sobre essa "coragem" aí de cima e só me disse coisas boas, elogios, congratulações, incetivos, enfim, reconhecimento por eu ter terminado essa expedição!!!...ao final de nossa conversa, perguntei quem era, pensando ser alguém que não havia reconhecido a voz e era "apenas" um admirador desconhecido...João, de Itú-SP, suas palavras nunca sairão da minha cabeça pois sei que foram ditas do seu coração, do fundo da sua alma e espero em breve conhecê-lo pessoalmente...preciso mais do que isso para ser feliz???...digo realmente que não...Obrigado João, Obrigado Pessoal!!!

8 comentários:

  1. Hermes says:

    Amigão, esse teu exemplo serve para várias searas da vida.
    Com certeza.
    Parabéns pela missão cumprida.
    Grande abraço.
    Hermes - Floripa/SC
    twitter.com/hermespugliese

  1. eugenio says:

    Esse telefonema e um dos maiores prêmios da sua viagem!!!que bom que ainda exista pessoas assim nesse mundo,pois motiva a gente continuar tentando fazer desse mundo o melhor!!!
    Parabéns Adriano pelo texto!!Mais uma lição para quem pensa em pegar a estrada!!!
    Abração!!

  1. Paulo says:

    Adriano, Ola. Bom texto e dicas. Oba!!! Olha, posso considerar sua viagem concluída? Nao virá rodando de Belém? Se estiver concluída vou remanejar você dos viajantes para os ex-viajente no meu site. E quando começar a próximo o seguirei mais e mais meu companheiro. Bração

  1. Adriano says:

    Paulo, vc pode fazer o que desejar mas eu só serei um ex-viajante no dia que for para o andar de cima!!! eheheheheh...espero que entenda minha posição mas sei que lá seriam os viajantes ativos, ou aqueles que estão na estrada no momento!!!...Respondendo diretamente a sua pergunta, será bem difícil eu decidir ir a Belém buscar a moto...quase certeza que virá pela transportadora!!!

    Hermes...muito bom te ver por aki e agradeço as palavras pois sei que vc também é um grande guerreiro, cheio de "coragem"...

    Eugênio...o que falar de um cara que foi um dos mais fiéis desde antes da viagem até agora!!!

    A todos vocês, novamente, meu MUITO obrigado!!!

  1. Paulo says:

    IH!!! Adriano acho que me expressei mal no meu post, descuuuullppa kkekekekek Quando diz ex- viajantes, meu, eu queria dizer para um rol que tenho daqueles que já viajaram e já terminaram esta etapa ou fase.E que outras virão e ai eu os coloco como ativos novamente para eu acompanhar - este acompanhamento é meramente pessoal é muito legal. E desejo que um desses seja voce pois acompanhar pelo seus relatos e fotos foi demais. Mas é claro, nós motociclistas não pararemos jamais. Mais uma vez, Adriano foi mal.. descuullllpppaaaaa.

    (ps)- acho legal quando você para dizer uma coisa com ênfase faz assim: mmuuuiiiitooooo, Claaarrrooooo, iiisssstooooo, llloouuuucccoooo.

  1. Cara...
    Putzzz valeu toda sua colocação e isso o põe como uma pessoa que possui uma maturidade que nos deixa muito contentes, podes crer!!!
    Toda empreitada vitoriosa nessa vida depende exclusivamente dos tópicos que VC cuidadosamente alinhou...
    É óbvio que o ser humano detém deficiências e o equilíbrio em determinadas circunstâncias as vezes fica prejudicado!
    Ao meu ver, VC além de corajoso teve o equilíbrio necessário diante dos problemas vários que encontrou e saiu-se muito bem, PARABENS
    Apartir dessa sua viagem e do seu exito, VC se torna um ícone para todo aqueles que acompanharam sua aventura e VC realmente tem muita coisa para repassar, pois experiência só se ganha fazendo parte de desafios, concorda?
    gde abs
    ZÉ CARLOS - PEREQUE

  1. murilo says:

    Adriano,

    Dizem que todo homem tem que na vida fazer 3 coisas:

    Plantar uma árvore,
    Escrever um livro,
    E ter um filho

    Acho que você, com a viagem, já plantou a sua árvore!
    Ter um filho não será um problema...
    Agora só falta escrever um livro!

    Quero ler este livro!


    Parabéns

    Murilo (outro João da vida...)

  1. Adrianão,
    foi recorrente aqui no blog nos admirarmos com o preço muito menor dos veículos nos EUA e Canadá.
    A Auto Esporte de Julho trouxe uma reportagem muito interessante sobre a razão do alto custo dos veículos no Brasil.
    Procurei em alguns posts de julho e não achei nenhuma referência a esta reportagem. Caso realmente não a tenham discutido, poderei trazer as conclusões a que a reportagem chegou.
    Não vá pilotar helicóptero à noite, cuidado com os abraços de urso, radares escondidos, clientes caloteiros e outros "perigos urbanos"...
    Abraxx!!