Dia 54 - Quincy-EUA a Nashville-EUA - 711 kms

Posted: domingo, 24 de julho de 2011 by Adriano in
15

Não sei dizer se hoje foi um dia de sorte ou de azar...sei que no final deu tudo certo...foi daqueles "com emoção"...mas amanhã é que será a hora da verdade...ehehehehe...poucas fotos, devido aos fatos...

Tinha colocado o relógio pra despertar as 5 da manhã mas uns doidos e loucas, fazendo zueira na piscina, me acordaram as 4 hs. e continuaram com a barulheira, portanto não consegui mais dormir e fui tomar banho...quando voltei estava tudo quieto e acredito que algum hóspede tenha reclamado e eles sairam da piscina...coloquei a roupa da moto, arrumei tudo, coloquei o café pra ferver na cafeteria e fui na máquina que fica no corredor pegar um donut pois café da manhã na rua, aquela hora, seria difícil...quando cheguei na máquina, ela fica num corredor escuro e tem uma luz interna que dá uma cegada momentânea na gente e ao procurar o dinheiro na carteira pra colocar nela, ouvi um barulho do lado da máquina e ao olhar, tinha um casal atracado...beeeem atracado!!!...eheheheh...eles assustaram, eu também, eu meio sonado e eles deviam estar bêbados (o cara estava de sunga então deviam ser os da piscina) e cada um correu prum lado...ehehehe...depois comecei a rir sozinho, no quarto e nada do meu donut, fazendo eu tomar café ruim e puro. Peguei as coisas e corri...ao sair na rua, garanto que estava uns 30 graus, de madrugada, então já fiquei esperando um dia daqueles...

Fui pra estrada e o GPS me mandou pra Hannibal-Missouri, naquela escuridão e infelizmente eu não encontrei com a Jodie Foster e ainda bem que com o Antony Hopkins também não!!! Tô falando de "O Silêncio dos Inocentes", acho que todo mundo assistiu, né??? Lá abasteci num posto com bilhões de mariposas,  por causa da luz...tantas que algumas queriam entrar no tanque e eu ficava espantando-as, logo me fazaendo lembrar novamente do filme... confesso que deu um medão e logo me piquei dali!!!...eheheheh

O calor continuava e o dia foi logo amanhecendo e após rodar os primeiros 200 kms parei pra abastecer e comer algo e como no Mc Donalds serve café da manhã, fui lá e pedi um tal de biscuit que é pão, ovo, queijo e bacon e não é que o treco tava na promoção e ganhei outro!!!...tive que comer tudo e saí rolando de lá pra rodar mais uns 200 e depois abastecer e achei que o dia seria assim e conseguiria rodar meus 900 ou até mais...ledo engano pois estava tudo muito fácil...

Em uma das muitas reduzidas e aceleradas, ouvi um barulho novo na KTM...e junto com ele, perda de tração...escolado com anos de trilha, pensei - "a corrente tá frouxa e patinando pois a coroa tá com os dentes deitados"...tava na hora de abastecer mesmo, então sai da Interestadual (aqui todos os postos e restaurantes ficam fora da estrada) e entrei em Metropolis com um postão e uma bela conveniência, quase um mercado...vi uma placa que lá tem uma estátua gigante do Superman mas eu não encontrei pois acho que estava mais pra frente e eu não tinha condições de procurá-la...desci da moto, abasteci sem stress e fui olhar depois o estrago...a coroa estava ridícula, já banguela e a roda cheeeeeia de limalha...a corrente completamente frouxa...pensei, pensei e resolvi tirar tudo de cima da moto, pegar as ferramentas e ver se tinha ainda alguma regulagem pois o mecânico falou pra mim que tinha um restinho...coloquei a moto no cavalete, soltei a roda e fui regulando e acabou...não foi 2 milímetros pra trás, ou seja, não chegou a esticar como eu precisava pra parar de patinar. O jeito que eu imaginei pra esticar mais foi colocar peso na traseira da moto, assim ela desce e a corrente estica mais...convidei uma gordinha, pois aqui tem muitas, de uns 120 kgs pra dar uma volta comigo mas ela não gostou...eheheheh...mentira Mayara!!! Peguei minha mala mais pesada, tirei de cima do banco (garupa) e amarrei bem na ponta do bagageiro para fazer o efeito alavanca e enchi o tanque reserva de combustível que estava vazio com 10 litros de gasolina, portanto mais 7,2 kilos e vou te falar que se não resolveu, melhorou muito só que o que me trouxe mesmo até aqui foi a mão direita que veio dosando muuuito bem a potência do motor pra não patinar (e patinou bastante), principalmente nas subidas...e olha que teve trechos que eu andei a 130 km/h ultrapassando caminhão...e pensando no que o Ozzy e o Zé Carlos tinham falado nas mensagens de ontem...não tinha jeito, pois não podia perder o embalo!!!

De Metropolis a Nashville, que é uma cidade grande aqui da região são 148 milhas (238 kms) então parei em outro Mc Donalds pra comer algo e consultar na internet "se" e "aonde" havia uma KTM e achei em Madison, grande Nashville com o Motel 6 a 5 kms de distância de lá e o GPS me levou até a porta da loja que eu sabia que estava fechada (foto abaixo) mas já fui lá pra reconhecer território e ver se por acaso tinha algum hotel por perto mas aqui é tudo segmentado, hotel junto com hotel, loja com loja, não encontrando nada e colocando no GPS pra me levar ao Motel 6 pois já havia rodado bastante e tá um calor de matar...ontem um repórter fez uma pizza congelada na calçada de New York e ainda comeu, o nojento...eheheheh


Olha como é que a duplinha corrente e coroa chegaram aqui no hotel...o pinhão (que tem capa) eu só quero ver amanhã...ehehehehe...e olhem também o parafuso de ajuste completamente no fim...não tem mais regulagem nenhuma, nenhuma!!!



Quem não entende não deve ver nada de mais nas fotos mas quem entende vai falar que eu sou relaxado, que não devia ter deixado chegar nesse ponto, que isso e aquilo...como uma pré-defesa, já vou dizendo que essa relação chegaria em Miami (faltam 1400 kms) onde estava prevista a troca, mas o mecânico de Billings, na maior das boas intenções, esticou demais a corrente e lubrificou muito (olhem nas fotos o melê) e ainda me falou isso todo contente...na KTM 990, NÃO PODE esticar demais, pois ela trabalha com uma grande folga (está no manual e embaixo do banco em um adesivo) e se lubrificar muito, a corrente "relaxa" mais cedo e perde-se a regulagem final, e infelizmente, foi o que aconteceu...

Se errei em algo já vou dizer...quando estava lá na Universidade do Alaska, resolvi reorganizar minhas coisas e jogar fora o "peso morto" e nessa foram embora a corrente, coroa e pinhão velhos que agora, só com a coroa eu já resolveria o problema, trocando eu mesmo aqui no hotel, e chegaria facilmente na Flórida...burro...mas agora já foi!!! ehehehehe...é isso que se chama "experiência" e da próxima vez, é claro que eu guardo...


Nem preciso falar que preciso da torcida de todos novamente...pensamento positivo aqui ó : http://www.castlepowersports.com/


Acredito que não tenham a relação em estoque então, vou tentar sair daqui na terça-feira, pois eles entregam rápido, durante o dia e já estou no lucro, fazendo quase um Iron Butt até Miami, só parando quando chegar lá pois tenho uma agenda apertada pra essa semana...Se a moto for ficar parada aqui esperando as peças vou adiantar e pedir pra já trocar óleo e tentar olhar o assunto filtro de combustível, aliás, já vou pedir junto com a relação e trocar ou levar comigo, pra tirar isso da cabeça!!! Não se preocupem que a segurança sempre está em primeiro lugar!!! Tamos aí...

15 comentários:

  1. Adriano, aproveita e resolve a questão do aquecimento da moto. Fica junto com o mecânico na hora do serviço. Eu sei que eles não gostam, mas vc vai ter q ser chato. Pode ser uma coisa simples, mas q deixa na mão.

    Abraxx e bons ventos nos states!!!!!!!!!!!

    Obs: se vc foi passar por aqui, vamos receber vc novamente!

  1. Adriano says:

    Ozzy...tô quase achando que não é nada no aquecimento e sim o filtro de combustível conforme relatou o Alyssonide no dia 51...apesar de ter sido trocado em abril de 2011, portanto perto da data de hoje, já passaram por ele milhares de litros de gasolina, de tudo que é país, rodando milhares de kms, até mais que eu rodaria em 1 ou até 2 anos e pode estar sujo...vou trocar e ver se essa falhação para!!! Se não parar aí é realmente o sistema de arrefecimento e eu tiro essa dúvida da cabeça!!!

  1. Blz, então! pode ser isso mesmo. Até pq vc possou por tantos países com gasolina diferente e com certeza passou por alguma de qualidade duvidosa.

    Essa semana na comunidade da Lander, estávamos tentando ajudar um Landeiro que estava na Bolívia e teve problemas com gasolina ruim. Só que ele teve que fazer uma limpeza completa do sistema para o problema parar. Hoje ele postou lá que está tudo bem e que ele já está no Brasil. Mas por causa de gasolina ruim ele teve uma dor de cabeça danada.

    Vai com tranquilidade, mas acompanha o trabalho do mecânico. Nossas motos são como bebês que não gostam de ficar sozinhas quando vão ao médico!

    Abração!

  1. Barrett says:

    Adriano, eu jogava fora as meias, cuecas, camisas e tudo mais, mas não largava da corrente/coroa/pinhão... já passei por algumas dessas... umas até engraçadas, como essa: Fui a SP, na General, e comprei um kit, e estava voltando pela Fernão, de Yamaha RS125, isso lá por 1980, e cruzei com um cara empurrando uma CG (a pista ainda era simples...) na direçao de SP. Parei, perguntei o que era, e o cara falou que tinha quebrado a corrente... pensei um pouco e peguei as ferramentas (não andava sem elas, tinha tudo, até pra desmontar o cilindro...), puxei o pacote com o kit novo e o cara olhando tudo com uma cara engraçada... kkkkk desmontei a minha, coloquei a nova, desmontei a dele e coloquei a minha usada... o cara não deve estar acreditando na sorte até hoje! Me deu uma mini chave inglesa Crescent de presente, que por sinal está aqui na minha frente, na gaveta da mesa...
    São essas que enriquecem a viagem, além do aprendizado... kkkkk

    Acelera Adriano! Ilhabela!

  1. eugenio says:

    Adriano tu e mais teimoso do que eu!!!!kkkkkkkkkkk
    Eu tive um problema com relação.. hoje eu rodo com 2 correntes,2 pinhão e 2 coroas!!kkkk!!
    Mas não desista,nunca!!!Nem desanime com esses tipos de problemas!!!São eles que nos forjam,na base da pancada!!!!
    Esse seu ritmo esta excelente!!Toca a Kate e torce o cabo!!
    Faça uma revisão amanha e toca o barco!!!
    Abração!!!!Que Deus ilumine seu caminho!!!

  1. Putz Adriano,

    Aconteceu a mesma coisa comigo... voltei da ultima viagem sem poder acelerar em virtude do conjunto da transmissão ter me abandonado (talvez falta de prudencia, no meu caso tenha ajudado.

    Sorte na substituição.

    Estamos acompanhando e torcendo!

  1. Na minha viagem a Ushuaia, depois de rodar 12.500 km, em Santana do Livramento RS, foi que lembrei de regular e lubrificar a relação, quando cheguei em casa foi um dos primeiros itens que tive que trocar (o primeiro foi o pneu traseiro), detonei o conjunto, e mesmo assim não estava nem perto da situação da sua.

  1. Maico says:

    Oi Adriano,

    aproveita que vai pedir a peças e verifica se naum rola trocar o sensor de temperatuta do motor tbm. Comentei em um post anterior que sensor alterado pode fazer a ECU se comportar estanha, falhando o motor.

    Tbm deixo como dica verificar a bomba de combustivel da kate, pois ja bombas que quando aquecem, diminuem e pressao na linha e a motoka comeca a falhar!!!! Resfriando volta ao estado nornal. Como voce relatou que apos algumas banguelas o motor volta ao normal, nao aparenta ser a bomba, e ainda acho q vale a pena pedir e trocar o sensor de temp que retorna o valor para a ECU.

    Abracos e uma boa viagem!!!

    Maico.

  1. Olhando no site eles teoricamente tem a peça... essa corrente aguentou quantos quilômetros? Rodou muito.. e que meladeiro violento ele fez hein. Por isso sou a favor do eixo-cardã em motos ou o uso de correias dentadas.

    Boa sorte na viagem e estamos na garupa!

  1. Essa ""relação"", entre VC e sua KATE é coisa de ""AMOR INCONDICIONAL e JURAMENTO de JAMAIS se ABANDONAREM" cara rsss
    O desgaste, considerando o calor, quilometragem rodada é mais do que normal, pois o atrito ""detona" tudo, podes crer!!!!
    Felizmente a REPOSIÇÃO vai deixá-la novamente ZERO isso é uma certeza... Agora se esse tipo de problemas fosse com VC (porque nos desgastamos também), ai sim estaríamos realmente apavorados rssss
    Tenho certeza que enquanto ela estiver com os pneus ESTÁVEIS e a BANGUELA funcionando...estaremos na sua garupa por essas rutes americanas rssss
    Abs
    Zé Carlos - Ilhabela

  1. Adriano, a corrente tá parecendo o Betão...kkk boa sorte amanhã. Se precisar de alguma ajuda me avisa, como disse meu cunhado mora em salvador meu sobrinho anda de moto e talvez consiga algumas dicas para vc.

    Abs

  1. Wesley says:

    Adriano, reiterando o que o Ozzy disse no primeiro post, se na volta vc for passar por RO, dessa vez (de pneus novos na XJ6), faço questão de me juntar a ele e ir te receber! \o/

    Fico na torcida para que a RELAÇÃO entre em vc e a Kate se fortaleça novamente, para vc's terminarem mais esta etapa da viagem FIRMES E FORTES NA RUTA! rsrsrsrs

    Abração e boa sorte!

  1. Adriano says:

    Binho...igual o Betão...sem dente e com barriga??? kkkkkkk. O que eu vou fazer em salvador, pode me dizer???

    Aos amigo de "Roraima" (kkkk), se eu passar na volta por aí será um grande prazer revê-los...

    Ao demais, tô indo agora na loja...good vibes please!!!

    Abraaaaaaaaço

  1. Kkkkk...sem dente e com barriga...esta foi boa... Só faltava estar [com pneu] careca... kkkkkk.
    Amigo, estamos programando, eu e o amigo Carlos Matozo e esposa, dar uma passada (de XLX350R)em Ilhabela dos dias 15 a 18 de setembro pra gente curtir os causos da trip. Abraço e vai com Deus (só tira o sininho que Ele mesmo falou que é ciumento...)

  1. alexandre says:

    e ai amigo como vc esta??? a relação da moto ja era ......rsrsrsrsrsrsrs mas q de tudo certo para vc e q deus continue te protegendo ...... abraço de se amigo alexandre cdf